image_Barraquer_Sphera
image_Barraquer_Sphera

Entre os dias 13 e 18 de Junho de 2016, a Fundação Barraquer, numa acção organizada pela Oshean Healthcare SA e a Angola Capital Investments SA (ACI), em parceria com o Governo Provincial do Namíbe, realizará mais de 1.000 consultas e cerca de 450 operações de cataratas na Província do Namibe, concretamente na Hospital Municipal de Sacomar, naquela que será a sua terceira expedição a Angola para a erradicação da cegueira provocada pelas cataratas.

Desde a sua primeira expedição em 2014 e na seguinte em 2015, onde foram observados 2.500 pacientes e operados um total 723, que a Clínica Barraquer e a sua Fundação estão empenhadas em desenvolver em Angola um plano sustentável de luta contra a cegueira provocada pelas cataratas no país. Para este fim, adicionalmente às cirúrgias realizadas, duas bolsas de estudo serão atribuidas a médicos angolanos para que os mesmos possam estudar na Clínica Barraquer em Barcelona, Espanha.

Esta será a sexta expedição oftalmológica a África patrocinada pelas empresas acima referidas, comprometidas com o desenvolvimento de serviços e infra-estructuras de cuidados de saúde em todos os países nos quais operam.

Os procedimentos médicos serão realizados através de uma inovadora técnica cirúrgica designada facoemulsificação, a qual implica o uso de um ultrassom para quebrar a cataratas e depois a aspiração da mesma através de uma cânula. Trata-se de uma técnica minimamente evasiva, que faz com que 20 minutos após a intervenção o paciente já tenha uma lente intraocular permanente e uma nova visão do mundo, algo que até há bem poucos anos atrás seria impensável.

Importa relembrar que mais de 50% da população acima dos 65 anos tem cataratas. De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), as cataratas são a causa de 48% dos casos de cegueira no mundo, e muitos países ainda não dispõem dos recursos médico-cirúrgicos necessários para a sua remoção. Mais de 40 milhões de pessoas sofrem de cegueira provocada pelas cataratas, e totalmente curável.